Busca de flexibilidade motiva empreendedorismo, indica pesquisa

Por Filipe Oliveira

A possibilidade de trabalhar como, quando e de onde quiser é o principal motivo para empreender, segundo pesquisa com 2.500 donos de pequenas empresas.

A flexibilidade foi apontada como principal motivação por 35% dos entrevistados. Ficou à frente de opções como deixar de correr o risco de perder o emprego (29%), ter potencial de geração de dinheiro (12%) e buscar a solução de um problema (9%).

A pesquisa foi realizada a partir da internet pela empresa GoDaddy (companhia que oferece serviços para micro e pequenas empresas, como criação de sites e registro de domínio na internet).

HORA DE EMPREENDER

A maior parte dos empreendedores, 58%, decidiu começar a empreender enquanto ainda tinha um emprego.o.

outros 15% também tomaram a decisão enquanto estavam no mercado, mas não saíram do emprego antes de criar uma empresa: abriram negócios enquanto ainda trabalhavam e mantiveram as atividades em paralelo.

Dos demais, 8% decidiram empreender enquanto eram estudantes  e 19% seguiram por esse caminho após perder um emprego.

Cristiano Mendes, diretor de desenvolvimento de negócios para América Latina na GoDaddy, afirma que, ao contrário do que é percebido pelo senso comum, os resultados indicam que a busca por satisfação pessoal tem tido mais importância do que a busca por lidar com emergências financeiras ou desemprego.

GERAÇÕES

Na pesquisa, a empresa comparou as respostas de empreendedores de diferentes gerações, conhecidas como “Baby Boomers”, Geração X e Geração Y (acima de 51 anos, de 31 a 50 anos e até 30 anos, respectivamente, seguindo critério usado pela empresa).

Em geral, não houve variações relevantes entre elas.

Na pergunta sobre momento que decidiram empreender, por exemplo, 62% dos empreendedores da Geração Y disseram estar empregados quando tomaram a decisão. Nos da Geração X, o percentual foi de 56% e entre os “Baby Boomers” 57%.

Uma das diferenças significativas entre esses grupos está no percentual dos que disseram empreender para ajudar o mundo a resolver um problema: O item foi escolhido por 14% dos da Geração Y, 6% da Geração X e 7% dos Baby Boomers.

LEITOR

Quer saber mais sobre empreendedorismo? Curta a página do blog no Facebookaqui.